BWW Review: Called 'The Crime Of The Century' Musical PACTO - A HISTORIA DE LEOPOLD & LOEB (Thrill Me - The Leopold and Loeb Story) Opens In Brazil

BWW Review: Called 'The Crime Of The Century' Musical PACTO - A HISTORIA DE LEOPOLD & LOEB (Thrill Me - The Leopold and Loeb Story) Opens In BrazilBased on actual events, the young Leopold and Loeb committed what the press called 'THE CRIME OF THE CENTURY.' They kidnapped and murdered a 14-year-old boy. The purpose? Prove to be true 'Super Men', above good and evil. To get parole, Leopold, must confess the true meaning of crime, which hidden, could never be revealed. What will be the limit for LOVE? The revelation is as haunting as it was possible to imagine.

O espetáculo musical Pacto - A História de Leopold & Loeb, do americano Stephen Dolginoff, em cartaz em São Paulo, no Teatro Porto Seguro desde o dia 11 de julho, foi encenado na Off-Broadway, em 2003, com o título original de Thrill Me - The Leopold and Loeb Story, contando a história da lendária dupla que cometeu um dos mais infames e abomináveis crimes do século XX nos Estados Unidos. A peça, que já foi realizada em vários países e ganhou diversos prêmios, chega pela segunda vez ao Brasil, já tendo sido encenada em 2013 no Rio de Janeiro. As cenas são costuradas pelo depoimento de Nathan Leopold (Leandro Luna) no ano de 1958. Por meio de flashbacks, o espetáculo mostra a série de eventos que aconteceu na Chicago de 1924, e tornou a dupla de estudantes de direito conhecida como "the thrill killers" (algo como "assassinos por emoção"). Nathan era apaixonado por Richard Loeb (Andre Loddi), que era apaixonado pelo prazer do crime. Eles criam um acordo secreto, um contrato por escrito para satisfazer as necessidades um do outro. Richard convence Nathan de que eles se enquadram no conceito de "super-homem", o Übermensch de Nietzsche, que estariam acima da sociedade, e o convoca para participar de seu plano para atrair um rapaz de 14 anos para a morte. O objetivo é apenas sentir a emoção do crime e provar que podem se livrar de qualquer culpa e acusação. Deste modo, Richard deturpa a teoria de Nietzsche e a usa para legitimar o seu direito ao crime.

BWW Review: Called 'The Crime Of The Century' Musical PACTO - A HISTORIA DE LEOPOLD & LOEB (Thrill Me - The Leopold and Loeb Story) Opens In Brazil
Loddi (as Loeb) and Luna (as Leopold)
photo by Caio Gallucci

Tema tão fascinante logo foi adaptado para a literatura, cinema e teatro. Em 1929, Patrick Hamilton escreveu a peça Rope, que inspiraria o filme Trama Macabra (Rope, 1948), de Alfred Hitchcock. O crime seria revivido em 1956 no livro Compulsion, de Meyer Levin, uma versão dramatizada do caso, mudando o nome dos personagens para Steiner e Strauss, depois filmado por Richard Fleischer como Estranha Compulsão (Compulsion, 1959). Outra peça abordando o tema foi escrita em 1988, por John Logan, com o nome de Never the Sinner. Em Swoon - Colapso do Desejo (Swoon, 1992) o diretor Tom Kalin explicita a relação homossexual de Leopold e Loeb e passa a ser um marco do new queer cinema. Em 2002 o cineasta franco-iraniano Barbet Schroeder realiza Cálculo Mortal (Murder by Numbers), onde a vítima agora é do sexo feminino e finalmente em 2007 temos o filme Violência Gratuíta (Funny Games), onde o diretor austríaco Michael Haneke nos mostra dois jovens psicopatas aterrorizando uma família em seu chalé. Alguns seriados como Law & Order e Os Mistérios do Detetive Murdoch também tiveram Leopold e Loeb como inspiração.

Ao invés de colocar uma grande quantidade de atores, músicos e bailarinos em cena, a estrutura dramática de Pacto é sustentada apenas por dois personagens e um piano. Zé Henrique de Paula nos entrega uma direção enérgica, precisa e inventiva, fazendo com que a peça prenda o espectador do começo ao fim, sem interrupções de aplausos. Também é de Zé Henrique o cenário único e versátil, com dois muros de tijolos aparentes, cadeiras e grades, que podem servir tanto de prisão quanto de esconderijo, a casa dos personagens e até um carro conversível. A instigante iluminação de Fran Barros dá o clima exato do tema da peça ao trata-la com claros e escuros, luzes e sombras tornando-se assim um componente essencial da encenação. O espetáculo apresenta um formato diferente para o gênero musical. Trata-se de um musical intimista, ao contrário dos grandes musicais que se tem apresentado no Brasil. Pacto coloca as canções como parte do enredo, integrando texto e música sem que o espectador se distancie da história para assistir a um número musical.

BWW Review: Called 'The Crime Of The Century' Musical PACTO - A HISTORIA DE LEOPOLD & LOEB (Thrill Me - The Leopold and Loeb Story) Opens In Brazil
Nathan Leopold and Richard Loeb, circa 1924

Ao musicalizar a história de Nathan Leopold e Richard Loeb o compositor/letrista/dramaturgo Stephen Dolginoff não tentou repetir o método do musical Chicago, de Kander & Ebb, ao lidar com um assunto tão difícil e perturbador. Ao em vez disso ele evitou os comentários espirituosos e cômicos e escreveu um estudo psicológico de personagens, um musical de câmara que preserva a intensidade intransigente sendo perfeitamente integrada ao score. Luna e Loddi, que juntamente com Mariana Lobato fizeram a muito boa versão brasileira das músicas e texto, transmitem uma evidente química em cena. Leandro Luna lida muito bem com a complexidade do personagem Leopold, e está bem convincente ao fazê-lo em dois tempos, em 1924, aos 19 anos, quando comete o crime e 34 anos depois quando está apelando para a liberdade condicional, só com a alteração da voz e expressão corporal. Quando canta Ao Lado Dele Eu Fui / Way Too Far, ele está envolvente expressando profunda consideração ao se lembrar de como ele e Richard prepararam as armas e suprimentos do crime, e sua interpretação para Pacto / Thrill Me, quando eles fazem um pacto de sangue e sua onda de crimes continua até que Richard não consegue cumprir o acordo, é bem provocativa. Andre Loddi imbui seu Loeb com uma arrogância desesperada e está excepcionalmente marcante quando interpreta Conversível / Roadster, a canção mais memorável do show, na qual Loeb atrai sua vítima para suas garras. Dolginoff descreve os assassinos como amantes ao mesmo tempo em disputa e codependentes e, a transformação gradual de Leopold de vítima a alguém que usa de seu conhecimento contra Loeb para obter vantagem da situação, é feita de forma hábil durante a peça. Andrei Presser que os acompanha notavelmente ao piano, nos fornece de fato um terceiro personagem. Com direção musical cuidadosa de Guilherme Terra, constatamos como as vozes de Luna e Lodi se misturam suavemente, principalmente no número climático Juntos Até o Fim / Life Plus 99 Years, onde é impossível não sentir calafrios!

BWW Review: Called 'The Crime Of The Century' Musical PACTO - A HISTORIA DE LEOPOLD & LOEB (Thrill Me - The Leopold and Loeb Story) Opens In Brazil
Leandro Luna (as Nathan Leopold) and André Loddi (as Richard Loeb)
photo by Caio Gallucci

Quase um século após os acontecimentos de Pacto esta história de vida, morte e controle psicossexual é trazida para a vida teatral de forma fascinante nas performances totalmente persuasivas do controlador Loeb, de Andre Loddi, e do submisso Leopold, de Leandro Luna. O espetáculo conduz o público para uma reflexão sobre relacionamentos obsessivos: como lidamos com as nossas relações? O quanto depositamos no outro nossas conquistas, satisfações, desejos e frustrações? A peça é sobre o relacionamento entre eles. O assassinato faz parte da trama, mas não é o foco dramático. A dinâmica da relação e suas reviravoltas, manipulações, mudanças de poder e a surpreendente revelação no final são o assunto do enredo.


CANÇÕES:
1. Porque / Why - Nathan
2. Todos Querem o Richard / Everybody Wants Richard - Nathan
3. Perceba o Meu Fogo / Nothing Like a Fire - Richard e Nathan
4. O Contrato / A Written Contract - Richard e Nathan
5. Pacto / Thrill Me - Nathan e Richard
6. Se Matarmos Meu Irmão / The Plan - Richard e Nathan
7. Ao Lado Dele Eu Fui / Way Too Far - Nathan
8. Conversível / Roadster - Richard
9. Superiores / Superior - Nathan e Richard
10. Bilhete de Resgate / Ransom Note - Richard e Nathan
11. Ficaremos em Silêncio / My Glasses/Just Lay Low - Nathan e Richard
12. É Fácil Mentir / I'm Trying To Think - Richard e Nathan
13. Ao Lado Dele Eu Fui (Reprise) / Way Too Far (Reprise) - Nathan
14. Nosso Pacto Vai Seguir / Keep Your Deal With Me - Richard e Nathan
15. Medo / Afraid - Richard
16. Juntos Até o Fim / Life Plus 99 Years - Nathan e Richard
17. Pacto (Final) / Finale - Nathan e Richard
18. Bows

BWW Review: Called 'The Crime Of The Century' Musical PACTO - A HISTORIA DE LEOPOLD & LOEB (Thrill Me - The Leopold and Loeb Story) Opens In Brazil
Leandro Luna as Nathan Leopold
photo by Caio Gallucci

FICHA TÉCNICA
Texto, Música e Letras:
Stephen Dolginoff
Versão Brasileira: Leandro Luna e Andre Loddi
Colaboração tradução e versões: Mariana Lobato
Elenco: Leandro Luna e André Loddi
Direção: Zé Henrique de Paula
Direção Musical: Guilherme Terra
Piano: Andrei Presser
Cenário: Zé Henrique de Paula
Figurino: Minha Avó Tinha Brechó
Iluminação: Fran Barros
Assistente de Direção: Lucas Farias
Preparação de Atores: Inês Aranha
Produtores: Leandro Luna, Danny Olliveira e Priscilla Squeff
Assistente de produção: Mariana Lobato
Direção Financeira: Néctar Cultural
Assessoria de Imprensa: Morente Forte
Fotos: Caio Gallucci
Designer Gráfico: Alê Pessoa
Produção: Luna Prodart e Néctar Cultural
Idealização: Leandro Luna e Andre Loddi
Realização: Néctar Cultural

PACTO - A HISTÓRIA DE LEOPOLD & LOEB
De 11 de julho a 30 de agosto - Quartas e quintas, às 21h.
Ingressos: R$ 60,00 - plateia / R$ 50,00 - balcão / R$ 40,00 - frisas.
Classificação: 14 anos.
Duração: 80 minutos.
Gênero: Teatro musical.

TEATRO PORTO SEGURO
Al. Barão de Piracicaba, 740 - Campos Elíseos - São Paulo.
Telefone (11) 3226.7300.
Bilheteria: De terça a sábado, das 13h às 21h e domingos, das 12h às 19h.
Capacidade: 496 lugares.
Formas de pagamento: Cartão de crédito e débito (Visa, Mastercard, Elo e Diners).
Acessibilidade: 10 lugares para cadeirantes e 5 cadeiras para obesos.
Estacionamento no local: Estapar R$ 20,00 (self parking) - Clientes Porto Seguro têm 50% de desconto.
Serviço de Vans: TRANSPORTE GRATUITO ESTAÇÃO LUZ - TEATRO PORTO SEGURO - ESTAÇÃO LUZ. O Teatro Porto Seguro oferece vans gratuitas da Estação Luz até as dependências do Teatro. COMO PEGAR: Na Estação Luz, na saída Rua José Paulino/Praça da Luz/Pinacoteca, vans personalizadas passam em frente ao local indicado para pegar os espectadores. Para mais informações, contate a equipe do Teatro Porto Seguro.
Bicicletário - grátis.
Gemma Restaurante: Terças a sextas-feiras das 11h às 17h; sábados das 11h às 18h e domingos das 11h às 16h. Happy hour quartas, quintas e sextas-feiras das 17h às 21h.
Vendas: http://www.tudus.com.br
Facebook: facebook.com/teatroporto
Instagram: @teatroporto

Related Articles View More Brazil Stories   Shows



From This Author Claudio Erlichman

Before you go...

Like Us On Facebook
Follow Us On Twitter
Follow Us On Instagram instagram
   
popup



  SHARE