Skip to main content Skip to footer site map

Based on One of the Most Popular Brazilian Soap Operas O BEM AMADO Gets a Musical Version

by Claudio Erlichman The production runs from August 5th throught September 11th

Based on One of the Most Popular Brazilian Soap Operas O BEM AMADO Gets a Musical Version O BEM AMADO MUSICADO (The Beloved), by Dias Gomes, is a comedy that satirizes the daily life of a fictional town on the coast of Bahia. The "beloved" in question is the corrupt and demagogue Odorico Paraguaçu, candidate for mayor of Sucupira, adored by most of the population. As there is no cemetery in the city, which forces residents to bury their dead in neighboring municipalities, the politician is elected with the slogan "Vote for a serious man and win a cemetery". The big question for Odorico is that no one dies for the cemetery to be inaugurated. The mayor then decides to use all kinds of artifices to avoid losing popular support, even allowing the terrible gunslinger Zeca Diabo to return to the city, with the full guarantee that he will not be arrested. There is hope that he will kill someone and get him a corpse. The mayor just didn't imagine that Zeca Diabo returns to Sucupira willing to never kill anyone again, because he wants to become a correct man, a man of God! At the end of the plot, it is Odorico himself who inaugurates the cemetery, after being shot dead by Zeca Diabo. Everyone was sorry. Mayor Odorico became a martyr.

The show has lyrics and music by Zeca Baleiro and Newton Moreno, with musical direction by Marco França and features Cassio Scapin, Marco França, Eduardo Semerjian, Rebeca Jamir, Luciana Ramanzini, Kátia Daher, Ando Camargo, Heitor Garcia, Roquildes Júnior and Guilherme Sant'Anna as guest star.

.

.

.

Considerado um dos grandes nomes da dramaturgia brasileira, Dias Gomes (1922-1999) celebraria seus 100 anos em 2022. E, para marcar essa data, o diretor Ricardo Grasson estreia uma adaptação musicada de uma das maiores obras do autor baiano, O Bem Amado.

Com produção de Rodrigo Velloni, o espetáculo estreia no dia 5 de agosto no Sesc Santana, onde segue em cartaz até 11 de setembro, com apresentações às sextas-feiras, às 21h; aos sábados, às 20h; e aos domingos, às 18h e nos dias 02 e 09, sextas, sessão vespertina às 15h.

Based on One of the Most Popular Brazilian Soap Operas O BEM AMADO Gets a Musical Version
Zeca Diabo and Odorico Paraguaçu
photo by Ronaldo Gutierrez

Escrita em 1962, "Odorico, o Bem Amado, ou Os Mistérios do Amor e da Morte" é considerada um clássico do teatro moderno brasileiro e ficou bastante conhecida pelo grande público ao ser adaptada na primeira telenovela exibida em cores no Brasil e a ser exportada. A versão, exibida pela TV Globo em 1973, era dirigida por Régis Cardoso e estrelada por Paulo Gracindo, Lima Duarte, Jardel Filho, Sandra Bréa, Ida Gomes e outros grandes atores.

"O Bem Amado é um marco do realismo fantástico brasileiro. Dias Gomes toca com o sincretismo peculiaridade e maestria, em temas mais que atuais e fundamentais para a informação e a formação de gerações, como a crítica contestadora, o tom sarcástico e demagogo, a política, os costumes moralistas, a diversidade, religioso, a relação entre homens e o poder subversivo e todas as suas consequências", reflete o diretor Ricardo Grasson.

Ele ainda conta como decidiu montar esta obra: "Foi em uma entrevista, em um canal na internet, que ouvi o Cassio (Scapin) contando da vontade de representar o personagem Odorico Paraguaçu, pela importância do autor e do texto na atual situação em que nós, como cidadãos e artistas, nos encontrávamos. Liguei para o Cassio, nos conhecemos há alguns anos e durante este período de pandemia fizemos alguns trabalhos juntos, então fiz o convite: O que você acha de montarmos O Bem Amado? Ele disse sim!".

Based on One of the Most Popular Brazilian Soap Operas O BEM AMADO Gets a Musical Version
O Bem Amado's company
photo by Ronaldo Gutierrez

A comédia satiriza o cotidiano de Sucupira, uma cidade fictícia no litoral baiano, onde vive o político corrupto e demagogo Odorico Paraguaçu. Como não há um cemitério na cidade, o que obriga os moradores a enterrar seus mortos em municípios vizinhos, ele se elege prefeito com o slogan "Vote em um homem sério e ganhe um cemitério".

O grande problema é que não morre ninguém em Sucupira para que o cemitério seja inaugurado. E, para resolver esse dilema e não perder o apoio de seus eleitores, ele se alia ao terrível pistoleiro Zeca Diabo, que foi expulso da cidade. O que ele não sabe é que o matador não pretende matar mais ninguém, pois deseja virar um homem de Deus.

Para trazer ao palco a pequena, seca, rude, litorânea e quente cidade de Sucupira, Grasson conta que procurou referências nas bases do realismo fantástico. "Somos inspirados pelos filmes de Federico Fellini, pela xilogravura nordestina moderna com influência de obras de artistas como Speto, pelo teatro popular brasileiro e pelos movimentos e desdobramentos da confecção dos livros 'pop up' (tipo de ilustrações em dobraduras de papel que saltavam dos livros)", revela.

Based on One of the Most Popular Brazilian Soap Operas O BEM AMADO Gets a Musical Version
As Irmãs Cajazeiras
photo by Ronaldo Gutierrez

Ele ainda acrescenta que busca uma encenação de contornos populares, vibrantes, alegres e tipicamente brasileiros. "Queremos uma encenação enraizada na cultura nordestina brasileira, na interpretação e composição visceral dos atores e na linguagem de alcance direto, popular".

E, sobre o processo de musicar a obra de Dias Gomes, o encenador comenta: "Incorporar na obra as músicas originais, somará nas nuances dramatúrgicas linguísticas típicas do autor, em brasilidades necessárias, transpondo para elementos e personagens da cultura nacional referências cotidianas e místicas, originárias nos personagens criados e descritos pelo autor".


Sinopse

Based on One of the Most Popular Brazilian Soap Operas O BEM AMADO Gets a Musical Version
O Bem Amado Musicado: the musicians
photo by Ronaldo Gutierrez

O BEM AMADO, de Dias Gomes, é uma comédia que satiriza o cotidiano de uma cidade fictícia no litoral baiano. O "bem-amado" em questão é o corrupto e demagogo Odorico Paraguaçu, candidato a prefeito de Sucupira, adorado pela maior parte da população. Como não há um cemitério na cidade, o que obriga os moradores a enterrar seus mortos em municípios vizinhos, o político se elege com o slogan "Vote em um homem sério e ganhe um cemitério". A grande questão para Odorico é que não morre ninguém para que o cemitério seja inaugurado. O prefeito resolve, então, lançar mão de todo tipo de artifício para não perder o apoio popular, até mesmo consentir a volta à cidade do terrível pistoleiro Zeca Diabo, com a total garantia de que ele não será preso. Há a esperança de que ele mate alguém e lhe arranje um defunto. O prefeito só não imaginava que Zeca Diabo volta a Sucupira disposto a nunca mais matar ninguém, pois quer virar um homem correto, um homem de Deus! No final da trama, é o próprio Odorico quem inaugura o cemitério, após ser morto com tiros por Zeca Diabo. Todos lamentavam-se. O prefeito Odorico tornou-se um mártir.

Ficha Técnica

Autor: Dias Gomes
Direção: Ricardo Grasson
Produção: Rodrigo Velloni

Letras e Músicas: Zeca Baleiro e Newton Moreno
Direção Musical: Marco França
Música Original (Instrumental): Marco França
Arranjos: Marco França e Zeca Baleiro

Cenário: Chris Aizner
Desenho de Luz: Cesar Pivetti
Figurino: Fábio Namatame
Direção de Movimento e Coreografia: Katia Barros e Tutu Morasi
Designer Gráfico: Ricardo Cammarota
Fotografia: Ronaldo Gutierrez
Preparação Vocal: Marco França
Visagismo: Alisson Rodrigues
Adereços: Kleber Montanheiro

Assistente de Direção: Heitor Garcia
Designer de Som: Fernando Wada

Produção Executiva: Swan Prado e Felipe Back
Assistente de Produção: Adriana Souza
Assessoria de Imprensa: Pombo Correio
Assessoria Jurídica: Martha Macruz de Sá e Vinícius Precioso
Gestão Financeira: Vanessa Velloni
Idealização: Ricardo Grasson e Cassio Scapin
Administração: Velloni Produções Artísticas
Realização: Sesc São Paulo

Elenco
Ator Convidado
Guilherme Sant'Anna

Cassio Scapin
Marco França
Eduardo Semerjian
Rebeca Jamir
Luciana Ramanzini
Kátia Daher
Ando Camargo
Heitor Garcia
Roquildes Júnior

Músicos
Marco França
Bruno Menegatti
Daniel Warschauer
Roquildes Júnior

Serviço

O BEM AMADO MUSICADO

de Dias Gomes, com direção de Ricardo Grasson

Temporada: 5 de agosto a 11 de setembro
Às sextas, às 21h; aos sábados, às 20h; e aos domingos, às 18h
E dias 02 e 09, sextas, sessão vespertina às 15h

Sesc Santana - Av. Luiz Dumont Villares, 579, Santana
Ingressos: R$40 (inteira), R$20 (meia-entrada) e R$12 (credencial plena)
https://cloud.broadwayworld.com/rec/ticketclick.cfm?fromlink=2189510®id=150&articlelink=https%3A%2F%2Fwww.sescsp.org.br%2Fprogramacao%2Fo-bem-amado%2F?utm_source=BWW2022&utm_medium=referral&utm_campaign=article&utm_content=bottombuybutton1

Duração: 100 minutos
Classificação etária: 12 anos
Gênero: comédia musicada

Regional Awards


From This Author - Claudio Erlichman

           Publicist, graduated in Advertising & Marketing from ESPM (Escola Superior de Propaganda e Marketing) and post-graduated from UCSD (University of Califo... (read more about this author)


O PEQUENO PRÍNCIPE, O MUSICAL (The Little Prince) Opens Drawing a Parallel Between the Fable and What Lies Behind of One of the Best-Selling Books of All TimeO PEQUENO PRÍNCIPE, O MUSICAL (The Little Prince) Opens Drawing a Parallel Between the Fable and What Lies Behind of One of the Best-Selling Books of All Time
September 27, 2022

Inspired by one of the greatest classics of universal literature, points out the reopening of Teatro Villa Lobos. In the cast names like Thiago Machado and Bruna Guerin tell the adventures of the intrepid boy sewn into the story of the author himself, Antoine de Saint-Exupéry, who put a lot of himself when he wrote the work.

Talking About the Dangers of the Internet and Bullying in the Virtual World Musical CYBERBULLYING premieres in Sao PauloTalking About the Dangers of the Internet and Bullying in the Virtual World Musical CYBERBULLYING premieres in Sao Paulo
September 12, 2022

Originally titled Bullying, O Musical - featured on the São Paulo stages in 2019 and 2021, the show with libretto and direction by Allan Oliver was reformulated and is now called Cyberbullying.

Musical NEY MATOGROSSO – HOMEM COM H Celebrates the Trajectory of One of the Most Authentic Artists of Brazilian CultureMusical NEY MATOGROSSO – HOMEM COM H Celebrates the Trajectory of One of the Most Authentic Artists of Brazilian Culture
September 9, 2022

After the huge success of the musical Silvio Santos Vem Ai, Paris Cultural chose to honor the chameleonic singer Ney Matogrosso, one of the most unique figures in Brazilian music and culture, in the musical Ney Matogrosso – Homem com H, with libretto by E. Boechat and M. Toledo, direction by Fernanda Chamma and musical direction by Daniel Rocha.

Celebrating the 60th Anniversary of Ney Latorraca's Career, Musical SEU NEYLA will Open in Sao Paulo, Combining Digital Technology and Live TheaterCelebrating the 60th Anniversary of Ney Latorraca's Career, Musical SEU NEYLA will Open in Sao Paulo, Combining Digital Technology and Live Theater
September 8, 2022

One of the best known actors in Brazil, Ney Latorraca celebrates 60 years of his career using a new technology in Brazilian theater. The musical comedy Seu Neyla, by Heloísa Perisse and directed by Jose Possi Neto, brings together the digital world and theater, in real time.

For the First Time on Stage, Musical TEMPO CERTO (Right Time) Features Songs by Roberta CamposFor the First Time on Stage, Musical TEMPO CERTO (Right Time) Features Songs by Roberta Campos
September 1, 2022

The plot follows the last year of a couple's relationship, exploring themes such as liquid relationships and the attempt to control time, very present in the current times. The musical features Daniel Cabral, Eri Correia, Alvaro Real and Vanessa Mello, with artistic direction and libreto by Rafael Pucca, direction by A. Real and musical direction and arrangements by Thiago Perticarrari.